sábado, 3 de outubro de 2009

Brazil , o filme





Numa assustadora, totalitária e absurda sociedade retro-futurista , a burocracia atingiu o seu status máximo , transformando a vida do cidadão médio num terrível pesadelo , onde cada pequeno passo é vigiado , e toda pequena atitude do cotidiano deve ser realizada de acordo com as regras meticulosas  protocoladas pelo governo .
No meio disso tudo , Sam , um atrapalhado mas decente funcionário público , está prestes a mudar de lado , quando se depara com alguns eventos intrigantes.




Mais um poema alucinado do grande Terry Gilliam, como de costume denso e cheio de detalhes. Desta vez uma reflexão sombria sobre estado, liberdade , sociedade , consumismo e religião. Como sempre, Gilliam carrega seus filmes com uma boa quantidade de referências literárias, estéticas e cinematográficas. A referência mais óbvia e imediata é mesmo o clássico literário 1984 do célebre escritor-anarquista britânico George Orwell. O filme é antes de tudo uma interpretação pessoal e absurda do livro: a confrontação de um regime ditatorial e burocrático, "orwelliano", como passou a designar o neologismo. Sam, o personagem central, foi construido como um herói quixotesco, tal qual o sonhador herói de Cervantes, fervoroso idealista perdido em um mundo mal. Outra referência gritante, visual e ideologica, é com Metrópolis, de Fritz Lang. 

Gilliam é um esteta em mais alto grau, e visualmente, o filme segue sua tradição de inserir outras formas de arte no contexto visual. O filme é cenograficamente tão rico que chega a ser desestabilizante, e multiplas sessões são altamente recomendáveis. O Brazil do filme é muito mais uma metáfora do paraíso mítico e idealizado do que uma referência à Republica Federativa do Brasil. O termo Brazil já circulava por séculos antes de seu descobrimento oficial , para designar paraíso mítico. Existia na Irlanda da idade média uma lenda baseada na cultura celta, sobre uma ilha mágica chamada Hy Brazil, no meio do oceano, terra magnífica entre as nuvens. Não por acaso: É essa a maneira que Sam sonha com seu paraíso no filme, e "Aquarela do Brasil", tema musical recorrente, é a própria descrição ufanista de um país que se parece muito mais com o Brazil do que com o Brasil.


                     



Titulo original : Brazil
Diretor : Terry Gilliam
Ano : 1985
País : UK
Awards : Boston Society of Film Critics Awards / British Film Institute Awards / Hugo Awards / Los Angeles Film Critics Association Awards / BAFTA Film Award , entre outros

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...