quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Um ano com 13 Luas



Essa é uma verdadeira preciosidade do cinema alemão, e trata de um tema no mínimo pouco comum : a auto mutilação genital . Elvira é uma mulher, que costumava ser um homem chamado Erwin, casado e com uma linda filha, e que trabalhava como um másculo abatedor em um matadouro , até que se apaixonou perdidamente por um colega de trabalho, e num impulso inexplicável de agradar seu amado , tomou um avião para Casablanca , no Marrocos , e se submeteu à uma cirurgia de mudança de sexo. Entretanto Elvira não contava com a difícil adaptação social e psicológica para sua nova condição. 


                            



Fassbinder (morto de overdose em 1982) era um cineasta muito interessante. Se hoje em dia estudos de gênero (gender studies) são o assunto do momento no meio das ciências humanas, há 40 anos atrás ainda não era bem assim. Foi nessa época que ele construiu uma sólida filmografia que se baseia quase que inteiramente numa reflexão em torno dos papéis sociais do homem, da mulher, e dos gays, sendo ele próprio um homossexual militante (embora tenha tido dois casamentos longos com mulheres). Ele também atuava em boa parte de suas produções. Fazia parte do movimento do cinema novo alemão, surgido em meado dos anos 60 e que vinha na esteira da nouvelle vague francesa, com a qual guardava estreitos laços ideológicos: filmes de autor, pessoais e independentes, feitos com pequenos orçamentos, que insistiam em se destacar de um cinema de puro divertimento através de seus temas e feições estéticas. Desta leva fizeram parte também Werner Herzog, Wolfgan Petersen e Wim Wenders, apenas para citar os nomes de diretores com os quais estou mais familiarizado. Foi um novo período de ouro para o cinema alemão, que não possuia uma "cena" desde o pré guerra. O cinema novo alemão duraria até o os primeiros anos da década de 80, e nos deixou muitos filmes inesquecíveis, e este aqui é um deles.




Em termos de forma Fassbinder fez deste filme um dos mais destacados de sua filmografia. Um verdadeiro deleite de cuidados e ambiências, a cada plano. A sequencia do matadouro, com seu monólogo, montagem alternada, e horror visual resultaria em algo antológico. É o tipo de experiência estética que apenas o cinema pode proporcionar



                       


Titulo original : In Einem Jahr Mit 13 Monden
Diretor : Rainer Werner Fassbinder
Ano : 1978
País : Alemanha
Awards : Nenhum


3 comentários:

  1. Muito obrigado por compartilhar este filme! Conheço muitos com temática GLS, mas nunca tinha ouvido falar desse...
    Ah, e valeu pela tradução da legenda. Eu sei bem o que é isso! Não é uma tarefa nada fácil!

    ResponderExcluir
  2. Realmente esse filme é um dos melhores sobre o tema .. Legal que tenha gostado . A tradução é um pouco sacal mesmo , mas compensa pelo filme!
    Amanha sai um post de um outro titulo imperdivel do Fassbinder que vale a pena conferir .. [ ]s

    ResponderExcluir
  3. Valeu pela dica Renata. Não o conheço , vou correr atrás.
    [ ]s ! Vader

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...