sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

Adeus meninos


Durante a segunda guerra , na França ocupada pelas forças nazistas, Julien , um menino de apenas onze anos, filho de uma rica família, é enviado pela mãe para um internato católico do interior da França. Ali ele conhece Jean Bonnet , um garoto inteligente e educado pelo qual passa gradualmente a nutrir respeito e admiração. Mas Jean é um menino judeu sob falsa identidade, escondido da perseguição nazi entre os cristãos .




Esse filme teve sua estréia no festival de cinema de Telluride , e ao final da projeção, o próprio diretor Louis Malle estava se desfazendo em lágrimas, pois anos antes havia se auto exilado nos Estados unidos por conta de mau entendidos que culminaram por qualificá-lo falsa e injustamente na mídia francesa como um simpatizante do colaboracionismo franco-nazista na segunda guerra, fato amplamente desmentido neste filme parcialmente auto biográfico.




Malle enfatiza largamente, mesmo como uma declaração de princípios, o odioso papel das milícias francesas colaboradoras, pois aqueles que não conhecem a história estão condenados a repetir os mesmos erros do passado. Louis Malle foi um grande diretor, e essa filme é considerado a sua ultima obra prima, seu canto do cisne, que é de fato uma jóia de grande emoção.





Título original : Au revoir les enfants
Ano : 1987
Diretor : Louis Malle
País : França / Alemanha
Awards : Festival de Veneza / Globo de Ouro / Independent Spirit Award / Singapore International Film Festival / Hong Kong Jewish Film Festival / Manifesto film week Estonia / Buster Children's Film Festival Dinamarca / Oscar / BAFTA Film Award / Bodil Awards / CFCA Award / Prêmio César do cinema Francês / Prêmio David de Donatello / European Film Award / Prix Louis Delluc / ALFS Award , entre outros

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...