sexta-feira, 4 de junho de 2010

Mørke


Jacob , um escritor e jornalista de Copenhagen , vive atormentado com o fato de sua irmã Julie ter se tornado paraplégica após uma frustrada tentativa de suicídio , que ele acredita que poderia ter evitado caso intervisse a tempo. Mas Jacob se surpreende enormemente quando Julie anuncia seu casamento com Anker , um sujeito patético e obscuro que conheceu pela internet ...



Bom thriller que aborda um espinhoso tema que aparentemente é tratado nos países escandinavos como bala juquinha : o suicídio. Desde os tempos de Kierkegaard parece que a bola da vez por lá são as inquietações e angustias da condição humana , o que talvez crie para o observador atendo uma relação quase instantânea entre existencialismo e países Nórdicos (ou será um condicionamento criado pelo cinema do sueco Bergman ?!)



O fato é que o suicídio é mesmo endêmico por aquelas bandas tão civilizadas , a ponto de , por exemplo , ambos os pais de Nikolaj Lie Kaas (o ator que interpreta Jacob) , terem cometido suicídio , o que provavelmente tornou seu envolvimento na produção ainda mais pessoal .  Um filme interessante que é também um bom exemplo do ascendente cinema dinamarquês.


Título original : Mørke
Ano : 2005
Diretor : Jannik Johansen 
País : Dinamarca / UK
Awards : Copenhagen International Film Festival / Rouen Nordic Film Festival / Bangkok International Film Festival / Transilvania International Film Festival / Bodil Awards / Robert Festival Dinamarca

LINK PARA TORRENT

LINK PARA LEGENDA

...

4 comentários:

  1. Uma vez perguntei a um amigo que havia morado muitos anos na Suécia, porque o alto índice suícido por lá. Ele me respondeu: - Estatística bem feita!

    ResponderExcluir
  2. He , he , gostei dessa ! E é verdade anônimo , os países com maior número proporcional de suicidas são os países do Báltico e a Russia , o que é compreensível . A Escandinávia tem mais a tradição de relacionar com apaixão existêncialista dos caras , embora o número absoluto por lá seja alto tb ..
    [ ]s !

    ResponderExcluir
  3. esse filme presta?

    ResponderExcluir
  4. Anônimo , dependendo do momento cai bem sim , mesmo sendo um filme que não vai mudar a vida de ninguém , eu conferi e dei um 6 tranquilo , mas como gosto é subjetivo ..
    [ ]s

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...